All for Joomla The Word of Web Design
Dourados-MS,
Agosto_lilás
Grid List

Por volta das 16h de ontem (20), uma guarnição lotada na 9ª Companhia de Policia Militar de Dourados foi acionada para atender uma ocorrência de dano. Um homem de 44 anos, motorista de uma caminhonete GM C10 teria avançado na direção de um catador de recicláveis e danificado o carrinho de transporte.

De acordo com o boletim de ocorrência a vítima estava em frente à residência da ex-esposa e que dado momento o homem havia ido até a frente da residência e por motivos fúteis começou a discutir com o mesmo.

Em seguida o acusado entrou em sua caminhonete e avançou em direção a vítima vindo a colidir e danificar seu carrinho de transporte de reciclado.

A polícia deslocou até a residência do autor, onde o localizou. Ele foi preso e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil.

Policiais civis do SIG (Setor de Investigações Gerais) apresentam nesta sexta-feira (16/8), às 9h, mais um dos envolvidos no roubo seguido de sequestro a uma família no Jardim Europa, em Dourados. O caso ocorreu na noite de quarta-feira (14/8) e outros dois criminosos ainda são procurados. 

Conforme apurado pelo Dourados News, além da tentativa de levar os veículos das vítimas, os bandidos ainda roubaram joias e conseguiram comercializa-las. 

Três receptadores dos produtos acabaram presos com os objetos e tiveram fiança arbitrada em até R$ 7,5 mil. 

Após os encaminhamentos à delegacia e questionamentos com os suspeitos, a polícia conseguiu chegar a um dos criminosos que teria realizado a venda. O nome dele ainda não foi divulgado 

Ainda ontem, durante a ação, Gabriel Costa dos Santos, 18, acabou flagrado ao tentar levar a caminhonete da família ao Paraguai. Policiais rodoviários federais o pegaram no Posto Capey, distante aproximadamente 50 quilômetros de fronteira. 

O caso

Bandidos armados invadiram uma casa no Jardim Europa e fizeram casal refém para levar dois veículos que estavam na residência, uma caminhonete VW Amarok e um utilitário Hyundai Tucson. 

O roubo ocorreu por volta das 19h de ontem (14/8), quando os suspeitos invadiram a casa onde estava o casal e dois filhos pequenos.

Durante a ação, o alarme do imóvel disparou e a equipe de monitoramento telefonou para o local. 

Desconfiando da maneira em que a vítima respondeu, um vigia passou a monitorar a residência e percebeu o momento em que os dois veículos deixaram a garagem. 

Um Fiat Uno dava a cobertura ao grupo e a família foi colocada dentro da Tucson. Ao flagrar a ação, o vigilante acionou a Polícia Militar e os outros órgãos de segurança receberam o comunicado.

Na BR-463, no Posto Capey, já em Ponta Porã, a PRF (Polícia Rodoviária Federal) conseguiu prender o suspeito e recuperar a caminhonete. 

Já o casal e os dois filhos foram deixados pelos bandidos junto com a Tucson próximo a uma distribuidora de bebidas na Perimetral Norte.

Uma família foi sequestrada por bandidos armados, na noite desta quarta-feira (14) após o assalto a uma residência do Jardim Europa, na região central de Dourados, cidade a 233 quilômetros de Campo Grande. Um dos criminosos já foi preso, mas a polícia segue em busca de pelo menos outros três suspeitos.

Conforme apurado pela reportagem, da residência os bandidos fugiram em dois veículos. Um deles conduzia uma camionete Amarok, branca, e logo atrás mais dois criminosos mantinham o empresário Carlos Heitor Serrante, a esposa e duas crianças reféns em um Hyundai Tucson.

Eles seguiram pela BR-463 que liga Dourados a Ponta Porã, mas logo no Posto do Capey da PRF (Polícia Rodoviária Federal) a camionete foi interceptada e o suspeito, identificado como Gabriel Costa dos Santos, de 18 anos, preso.

Ao notar a abordagem os outros criminosos fizeram o retorno na rodovia em direção a Dourados e abandonaram o veículo. Há a suspeita de que outros três bandidos prestavam apoio ao bando em um veículo Uno, mas ambos ainda não foram localizados.

No celular de Gabriel, também conhecido como "degolado" os policiais encontraram um áudio em que um dos suspeitos, apressava os comparsas durante o assalto.

(Hélio de Freitas)

Foto: Direto das Ruas

Funcionários e clientes da farmácia Pag Menos, localizada na Avenida Calógeras, na região central de Campo Grande, foram rendidos por um bandido armado na noite de ontem (23). O assaltante deixou o local levando dinheiro e celulares.

Segundo informações do boletim de ocorrência, uma mulher de 50 anos procurou a polícia e relatou que, ao entrar na farmácia, por volta das 19h20, foi rendida por um assaltante que estava atrás do balcão.

O bandido anunciou o assalto, mandou que a vítima entregasse a bolsa e fosse para os fundos do prédio, onde estavam outros clientes e funcionários do estabelecimento.

Pouco tempo depois, o bandido fugiu do local levando celulares e dinheiro das vítimas. Não foi informado o valor que o suspeito levou da farmácia.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga.

(Campo Grande News)

Foto: WhatsApp/Correio Do Estado

Campo Grande

O guarda municipal Everton Alves da Silva, de 30 Anos, morreu ao voltar do seu trabalho na Avenida Gury Marques, próximo a Rua Osvaldo Aranha, na Vila Concórdia em Campo Grande. 

Segundo informações preliminares, o acidente aconteceu por volta das 05h40 e ele poderia ter dormido na condução.  A moto é um modelo CB 300 azul. 

Equipes do Corpo de Bombeiros e Samu foram acionadas para a ocorrência. A Policia Militar está presente e o corpo ja foi retirado do local. 

A assessoria da Guarda Municipal informou que ele era servidor desde 2010.

Casal viajava o Brasil fazendo furtos em agência bancárias - Foto: Foto: Valdenir Rezende / Correio do Estado

Campo Grande

Juan Daniel da Silva Capzzello, de 33 anos, e Andréia Pereira dos Anjos, de 22, foram presos por policiais  da Delegacia Especializada em Repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros (Garras), suspeitos de sete furtos a bancos em Campo Grande, nos dias 2 e 3 de fevereiro.

Conforme o delegado João Paulo Sartori, responsável pela investigação, a prisão aconteceu na segunda-feira (25), em um motel na cidade de São Paulo (SP), de onde a dupla é natural. Eles teriam gasto cerca de R$ 700 no local.

“Ele [Juan] é casado e tinha um relacionamento extraconjugal com essa menina [Andréia], que acompanha ele em todas as viagens, inclusive fazia as reservas dos hotéis no nome dela, pagava as contas com o cartão dela. Ela disse que fica com 15% do valor aferido”, disse o delegado.

Os furtos de envelopes de depósitos eram feitos com auxílio de placas de MDF e fita adesiva dupla face, que eram usados para “pescar” os envelopes. De acordo o delegado, o casal chegava na agência e aguardava o momento em que os locais ficavam vazios, geralmente aos fins de semana.

O dinheiro que eles levaram das agências de Campo Grande não foi encontrado. Os criminosos também realizaram furtos em cinco cidades do Paraná, em duas em Santa Catarina e em três em Mato Grosso. Há suspeitas que também atuaram em municípios nordestinos.

O casal foram presos e trazidos para Campo Grande, onde as prisões preventivas dos dois já foram solicitadas à Justiça, que responderá por furto qualificado.

 

Correio do Estado

Advertisement